SINDESP

Dia Das Mães: Como Surgiu A Comemoração No Brasil

JESS-PORTAL DA NOTÍCIA EDIÇÃO 2.866 –SINDESP.ORG.BR

“O segundo domingo de maio é consagrado às mães, em comemoração aos sentimentos e virtudes que o amor materno concorre para despertar e desenvolver no coração humano, contribuindo para seu aperfeiçoamento no sentido da bondade e da solidariedade humana. “Assim declara o decreto de número 21.366, assinado pelo então presidente Getúlio Vargas (1882-1954) e publicado em 5 de maio de 1932.

O documento ainda tece três considerações para justificar a lei: “que vários dias do ano já foram oficialmente consagrados à lembrança e à comemoração de fatos e sentimentos profundamente gravados no coração humano”; “que um dos sentimentos que mais distinguem e dignificam a espécie humana é o de ternura, respeito e veneração, que evoca o amor materno”; e “que o Estado não pode ignorar as legítimas imposições da consciência coletiva, e, embora não intervindo na sua expressão, e do seu dever reconhecê-las e prestar o seu apoio moral a toda obra que tenha por fim cultuar e cultivar os sentimentos que lhes imprimem, força afetiva de cultura e de aperfeiçoamento humano”. Se a data foi oficializada no Brasil em 1932, sua consolidação veio mesmo na época do regime militar de 1964 a 1985.

Mas se a data foi oficializada apenas em 1932 no Brasil e ganhou forte apelo comercial décadas mais tarde. O Dia das Mães é a segunda data mais importante do comércio brasileiro, perdendo apenas para o Natal. “Supera o Dia dos Namorados, dos Pais e das Crianças. Dia Das Mães e O Comércio – Esta data todos os anos contribui para as vendas de produtos e serviços. Como a comemoração tornou-se popular é natural que o comércio explore a ocasião. Diante disso, esta comemoração é a segunda melhor data para vendas no Brasil. As opções de presente variam entre os segmentos como perfumaria, vestuário, calçados, floricultura e dentre outros apresentam um melhor resultado nesta época. O segundo domingo de maio movimenta a economia que vai além do varejo. Ou seja, os salões de beleza, restaurantes e até eventos como shows tem procura.

O interessante é que não só as mães recebem os mimos. Conforme o comportamento do consumidor brasileiro, as esposas, avós, irmãs, as tias e as sogras também fazem parte das compras. Independente do ritmo o dia se mantém como umas das data mais importantes. Deste modo, isto não ocorre somente pela necessidade de comprar presente. Pelo contrário muitos consumidores aproveitam este momento para reformar casa, comprar produtos ou substituir eletrodomésticos.

FELIZ DIA DAS MÃES PARA ESTAS MULHERES ILUMINADAS. DEUS AS PROTEJA SEMPRE