SINDESP

Novembro Azul

JESS – Portal da Notícia – Edição 2.359 – sindesp.org.br

Sintomas do Câncer de Próstata

O câncer de próstata, geralmente, evolui lentamente, sendo assim, os sintomas são percebidos quando a doença já está em estágio avançado, dificultando o tratamento. Os principais sintomas desse tipo de câncer são a diminuição do jato de urina e aumento na freqüência urinária. Também podem ocorrer dificuldade ao urinar e sangue na urina. Vale salientar que, muitas vezes, esses sintomas estão relacionados não com o câncer, e sim com o crescimento benigno da próstata, uma condição comum em pessoas mais velhas. O câncer de próstata pode desencadear problemas como micção frequência e sangue na urina.

Diagnóstico do Câncer de Próstata

Para diagnosticar o câncer de próstata, é fundamental a realização do exame de toque e o de sangue, que é conhecido como PSA (Antígeno Prostático Específico). Esses dois exames, apesar de sua importância, não podem ser usados de maneira isolada para afirmar com precisão a ausência ou presença de câncer. Em caso de alteração nesses exames, pode-se solicitar uma biópsia para a confirmação da presença do tumor e exames de imagem para verificar se outras áreas foram atingidas. Recomenda-se que, a partir dos 50 anos, o urologista seja procurado anualmente para a realização dos exames. Pacientes que possuem histórico familiar da doença devem procurar o médico a partir dos 45 anos de idade. Estima-se que homens com parentes próximos que tiveram esse tipo de câncer antes dos 60 anos possuam, em média, 3 a 10 vezes mais riscos de desenvolver a doença. Sendo assim, ficar atento aos sinais do corpo e procurar o médico com frequência é extremamente importante para diagnósticos precoces e tratamentos mais eficientes. Não deixe, portanto, que o medo ou a vergonha sejam empecilhos para o cuidado com a saúde.

Prevenção do Câncer de Próstata

Uma alimentação saudável, rica em verduras, vitaminas e cereais, é uma das formas de prevenir diversas doenças. Segundo alguns especialistas, pode também ajudar na prevenção contra o câncer de próstata, apesar de essa relação ainda ser incerta. Além disso, é importante evitar gorduras de origem animal, bem como consumir excessivamente de carne. Não fumar, beber moderadamente e realizar atividades físicas também parecem ajudar a diminuir os riscos de apresentar a doença ou o surgimento de formas mais graves. Apesar de bons hábitos de vida serem essenciais, eles não garantem prevenção completa contra o câncer de próstata. Sendo assim, o melhor é realizar exames periódicos a fim de conseguir um diagnóstico precoce da doença.

Tratamento do Câncer de Próstata

O tratamento do câncer de próstata depende de vários fatores, como estado atual de saúde do paciente e o estadiamento do câncer. Normalmente os tratamentos mais adotados são a cirurgia e a radioterapia.