SINDESP

Projeto Comunicação Social no SINDESP

JESS – Portal da Notícia – Edição 2.052 – sindesp.org.br

Mais de duas mil relevantes notícias foram divulgadas em 15 (quinze) meses, provenientes do projeto modelo de comunicação social desenvolvido no SINDESP, iniciado em março de 2020 que tem considerável apoio do notável comunicador, Gilberto Telmo Sidney Marques, discípulo do renomado mestre da comunicação, Herbet Marshall Mcluhan, o meio é mensagem(Aldeia Global) e da atual, dinâmica e eficiente gestão administrativa, liderada por Gilberto Leitão de Castro e Silva.

O momento apreensivo e de ansiedade para informes imediatos sobre a movimentação dos processos jurídicos contribuiu, decisivamente, para fortalecer e anunciar os acontecimentos, registrando-se por muito tempo, 49% de notícias da espécie. Embora a vertiginosa corrida para a rápida transmissão fosse salutar. Era necessário como muita perícia identificar fontes, agentes e veículos de comunicação, detectando sem dúvida, os merecedores de credibilidade e de seriedade. O SINDESP e outros tradicionais meios de mensagens sempre foram possuidores desses requisitos, diferentes dos golpistas, produtores de falsidade.

O PROJETO não é simples e fácil. Trabalha-se, diariamente, com abnegação, esforço contínuo para oferecer excelente qualidade nas narrativas, usando-se uma central de dados, composição de pautas, seleção de matérias, estilos jornalísticos, interpretações de textos, utilização de trinta e cinco procedências básicas de investigações, redação, digitação, revisão, distribuição para oito propagadores e correspondentes, síntese para leitura dinâmica, e-mail e WHATSAAP e outros.

Os custos totais como depreciação/manutenção dos equipamentos/aparelhos, material de expediente, energia e outros não são contabilizados no Sindicato. As despesas operacionais diretas são consideradas nulas por não haver repasses ao SINDESP. Serão publicadas mais duas edições com conteúdos explicativos sobre o projeto.

Espera-se, pelo menos que as mais de duas mil notícias sejam fatores de reconhecimento, apoio, gratidão, compreensão, valorização e reflexos de um planejamento honesto, em especial, por ser eminentemente gratuito e de utilidade pública.