SINDESP

Solicitação aos Colegas

O cenário do plano verão é exaustivo no quotidiano para alguns colegas provocando conflitos de ideias, ansiedade e outros, diante da operacionalização dos trabalhos derivados do próprio reflexo das instituições públicas brasileiras. No caso do poder judiciário a existência de muitos processos, poucos funcionários, com nível tecnológico mais avançados, entre outros.

A ação do plano verão da UECE, não é diferente, existe uma relativa complexidade nos cálculos, sistema de conferências e na elaboração dos ofícios de precatórios. Às vezes, a pesquisa da ficha individual contém até trezentas folhas para serem consultadas e analisadas detalhadamente com o objetivo de conclusão final. Precisa-se de muita paciência, confiança, fé, além de corrente positiva. Pressões no escritório jurídico, no sindicato, na justiça, desrespeito aos competentes servidores do sindicato, divulgação de notícias inverídicas e importunas prejudica o bem-estar dos colegas. Não é muito recomendado.

Torna-se inadmissível com pandemia obrigar as instituições comprometidas na ação com indicativos ilusórios para o pagamento dos precatórios. Lembre-se que as decisões estão a cargo do respeitado e brilhante juiz rafael xerez, que muitas vezes, aplicou medidas sérias e rápidas para o andamento normal do processo. Caro(a) amigo(a), constantemente divulga-se, explica-se tudo sobre o plano verão até mesmo informações frequentes para a exata interpretação dos fatos. convoco-lhe, desde já,como a normalidade da justiça presencial a participar de audiências a serem marcadas junto ao escritório de advocacia e no judiciário para os devidos e oportunos esclarecimentos. Participe dessa vez porque em outras ocasiões você não estava presente. Meu ilustre lutador(a) e magnífico(a) colaborado(a), medite muito ante de qualquer argumento sobre o plano verão. É difícil, mas não impossível o resultado fina. Muito obrigado por sua valiosa participação.